Destaque 3, Notícias › 30/06/2017

Print This Post

Frei César faz abertura

“Fazei tudo o que Ele vos disser “ (Jo 2, 5).

A comunidade Gasparense acolheu, neste dia 29 de julho, Frei César Külkamp, pregador do Tríduo da Festa de São Pedro Apóstolo, que é Vigário Provincial da Província Franciscana da Imaculada Conceição do Brasil. O Frade foi acolhido na Matriz pelo pároco Frei Paulo Moura e os paroquianos.

Antecedendo a celebração, a comunidades convidadas do dia partiram em carreata em direção à Matriz. Neste primeiro dia do Tríduo marcaram presença as comunidades: São Brás, Nossa Senhora Aparecida, São Judas, São Sebastião e Santa Isabel, as quais entraram na igreja entoando o hino de seus padroeiros e portando uma barca com suas imagens. Também entraram, em procissão, diversas pastorais que compõem o campo de evangelização da paróquia: Pastoral da Sobriedade, dos Noivos, do Batismo, da Saúde, da Criança, a Conferência Vicentina, o Cursilho, as Equipes de Nossa Senhora, o Grupo de Nossa Senhora Aparecida e os Ministros da Paróquia.

Frei César ressaltou no início de sua pregação que estava impressionado com o testemunho das comunidades e pastorais ali presentes:  “Aí vemos a Igreja nos seus mais diferentes rostos, onde cada um encontra um lugar, uma missão para melhor servir a Deus e aos irmãos”.

O pregador lembrou ainda o testemunho de São Pedro e da Virgem Maria, dizendo que precisamos da intercessão destes dois discípulos de Cristo. Destacou também que Jesus não escolheu nascer em um lugar privilegiado, mas dependente de uma jovem mãe que se tornou sua primeira discípula e seguidora.

Tomando o trecho do Evangelho e repetiu: “Nem todo aquele que me diz: ‘Senhor, Senhor’, entrará no Reino dos Céus, mas o que põe em prática a vontade de meu Pai” (Mt 7,21). Maria soube cumprir este ensinamento e foi esta serva prudente que construiu sua casa sobre a rocha (Mt 7,25), ao servir o Senhor ao invés de se impor como sua mãe.

Com isso, Frei César mostrou a importância de ter uma espiritualidade fundamentada sobre a rocha, para isso Jesus nos escolheu uma Mãe que nos ensina a cumprir sua vontade. Também escolheu Pedro que se tornou a rocha firme da nossa Igreja.

Por fim, foi dada uma mensagem de ânimo aos fiéis para bem viver o Ano Mariano, numa fé fundamentada na participação e doação de si para Deus e para a comunidade. Ao término da missa, Frei Paulo agradeceu a todas as comunidades e movimentos que se fizeram presentes e os convidou para participar dos tradicionais Festejos Populares do dia.