Paróquia São Pedro Apóstolo - Gaspar, SC

Notícias › 29/06/2016

Gasparenses lotam Matriz para novena

quarta

Moacir Beggo

Gaspar (SC) – Quem nunca precisou desatar um nó na sua vida? Foi com muita devoção, emoção e alegria que os fiéis devotos da Paróquia de São Pedro Apóstolo, em Gaspar, lotaram a Matriz para mais um dia da novena Nossa Senhora Desatadora dos Nós. Desta vez, contudo, como enfatizou o celebrante Frei Paulijacson de Moura, em sintonia com a Festa do Padroeiro.

A novena é o momento mais esperado pelos paroquianos às quartas-feiras. Durante os encontros, as pessoas seguram uma vela com uma fitinha vermelha, na qual é dado um nó com um pedido em cada celebração. Os nós dados durante os quatro meses são incinerados.

A celebração começou às 18h30 com a oração do Terço. Frei Paulijacson ainda teve tempo de repassar alguns cantos com o povo antes de iniciar a Santa Missa. Com a imagem do Padroeiro na procissão de entrada, Frei Paulijacson tomou conta da celebração e o rito intenso e repleto de símbolos emocionou muitas pessoas.

quarta_2

Diante da imagem de Nossa Senhora, rezou: “Tu bem conheces o meu desespero, a minha dor e o quanto estou amarrado por causa destes nós. Maria, Mãe que Deus encarregou de desatar os nós da vida dos seus filhos, confio hoje a fita da minha vida em tuas mãos”.

Mas um dos momentos mais bonitos é a incineração dos cordões. A cada entrega, Frei Paulijacson retribuía com uma rosa.

Na homilia, referindo-se ao Evangelho que relatou a expulsão de demônios, disse  que na presença de Jesus nenhum mal prevalece, ‘é jogado para o abismo’. Também apresentou o casal Hamilton e Roberta, que compartilharam a graça alcançada  por intercessão de Nossa Senhora na difícil gravidez da pequena Valentina.

São cada vez mais numerosos os testemunhos de pessoas que, tendo pedido ajuda a Nossa Senhora Desatadora dos Nós, receberam benefícios e graças espirituais.

A celebração foi intensa durante duas horas, encerrando-se com a bênção do Santíssimo.

O título e a devoção a Nossa Senhora remontam a 1700. Baseiam-se numa pintura de Johann Schmittdner, artista alemão, inspirada na visão que o apóstolo João teve da Virgem Maria.

quarta_3

DIA DA MACARRONADA

Os festejos externos em honra a São Pedro Apóstolo tiveram início com a tradicional macarronada nesta quarta-feira fria em Gaspar. Tradicionalmente ela é preparada pelo Circolo Trentino di Gasparin, que disponibiliza quatro tipos de molhos: al pesto, carbonara, bolonhesa e matriciana. A massa é preparada antes pela equipe da Paróquia, coordenada por Lídia Maria Nagel, de 74 anos, que trabalha na festa há 51 anos.

O evento aconteceu no salão Cristo Rei e o sucesso da macarronada foi tão grande que faltou comida para tanta gente. Nesta quinta-feira, com o início do Tríduo, haverá rodízio de sopas.

ACOMPANHE EM FOTOS OS PRINCIPAIS MOMENTOS

X