Paróquia São Pedro Apóstolo - Gaspar, SC

Artigos e reflexões › 19/05/2020

A bela oração que São João Paulo II deixou às famílias

Desde a infância e até os seus últimos dias, São João Paulo II estabeleceu um relacionamento especial com a Virgem Maria. A Mãe de Deus, de fato, desempenhou um grande papel na vida de Karol, durante a sua vida sacerdotal e também em sua vida como cardeal.

Após ser eleito Papa, ele decidiu colocar seu pontificado sob a proteção da Mãe de Deus. “A essa hora, não podemos deixar de voltar nosso espírito à Virgem Maria, que ainda vive e age, como Mãe, no mistério de Cristo. Devemos repetir as seguintes palavras: Totus Tuus, inteiramente teu!”, ele proclamou na Praça de São Pedro, em Roma, no dia de sua entronização, em 16 de outubro de 1978.

Em 13 de maio de 1981, o papa foi milagrosamente salvo após um atentado. São João Paulo II atribuiu esse milagre à Virgem de Fátima. Durante sua vida, ele compôs muitas orações à Mãe de Deus, incluindo esta, que as famílias podem adotar para a oração da noite, durante o mês de maio (e mesmo depois):

Virgem Maria, Mãe da Igreja, sede também a Mãe de nossas famílias.

Que graças à sua ajuda materna, toda família cristã

possa realmente se tornar uma “pequena Igreja”,

na qual o mistério da Igreja de Cristo é refletido e revivido!

Vós que és a serva do Senhor, sede para nós exemplo

de humilde e generosa acolhida da vontade de Deus!

Vós que sofrestes a dor da Mãe aos pés da Cruz, fiques conosco para aliviar os sofrimentos

e enxugar as lágrimas dos afligidos pelas dificuldades de suas famílias!

Que Cristo, o Senhor, rei do universo, rei das famílias,

esteja presente, como em Caná, em todo lar cristão,

comunicando luz, alegria, serenidade e força.

Que toda família saiba dar generosamente

sua contribuição para o advento do Reino de Deus no mundo.

A Cristo e a vós, Maria, confiamos nossas famílias.

Amém

*Texto de Anna Ashkova para Aleteia.

X